Chat

Ouvir e apoiar as mulheres

Além da minha prática clínica privada (como você pode saber mais na área da minha formação e experiência), trabalho e colaboro com organizações do terceiro setor, associações e cooperativas na área de Turim.

Entre eles, participo uma vez por semana de um grupo de ajuda mútua da Casa delle Donne, uma instituição histórica do feminismo italiano desde 1979.

Estes tipos de grupos são menos estruturados e rígidos que os grupos terapêuticos, embora sejam sempre liderados e mediados por um psicoterapeuta.

As mulheres que participam geralmente vêm de diferentes origens e diferentes faixas etárias.

Em fevereiro de 2022, participei do curso de formação da mesma associação sobre escuta e apoio às mulheres que sofreram violência e discriminação.

Graças à participação de algumas colegas e outros profissionais (por exemplo, advogadas), foi possível aprofundar aspectos como a legislação e a saúde em torno das mulheres na Itália, na história e no presente, bem como possíveis projetos para responder às necessidades que ainda representam as condições das mulheres.

Na minha prática profissional procuro educação contínua sobre temas como as mulheres em todas as suas facetas e fases da vida.

É importante para mim porque, entre outras razões óbvias, na prática a maioria dos meus pacientes são mulheres, e porque sou particularmente sensível a questões de discriminação e violência baseada no género.

Como parte da minha formação acadêmica, também pude participar do grupo terapêutico chamado ‘Sonho Social ‘, criado no início dos anos 80 por W. Gordon Lawrence no Tavistock Institute of Human Relations em Londres.

Tem sido amplamente demonstrado que o grupo, como instrumento tanto directa como indirectamente terapêutico, é útil e adequado para situações como as de grupos de pessoas com características semelhantes às da violência ou da discriminação, neste caso.

Ouvir e apoiar as mulheres

PROGRAMA DO CURSO DE FORMAÇÃO/REFRESCO
ACTIVIDADES DE ESCUTA E APOIO ÀS MULHERES

1ª REUNIÃO

Apresentação do curso

A experiência e a abordagem da Casa da Mulher

História e mudanças – Feminismo e movimento de mulheres – Dicas sobre convenções internacionais e definições de discriminação e violência – (dentro de um belo filme histórico)

Partilha em grupo: reflexão e discussão entre os participantes. Perguntas

A mesa de escuta e suporte – História e características
Redes de violência, 1522 – Coordenação contra a violência contra a mulher (CCVD)

Partilha em grupo: reflexão e discussão entre os participantes. Perguntas

2ª REUNIÃO

A prática de ouvir e apoiar

O desconforto e a violência das mulheres contra as mulheres na nossa experiência
A relação de escuta – aspectos psicológicos e emocionais
Identificar e gerir o problema e a criticalidade

Partilha em grupo: perguntas e discussão entre os participantes

Curta-metragem

História e experiências dosgrupos de auto-ajuda – pelos psicólogos da Casa
Partilha em grupo: perguntas e discussão entre os participantes

3ª REUNIÃO

Informações, avaliações e reflexões sobre os principais regulamentos legais em vigor na Itália

Unidades familiares e leis
Direito de família, casamentos, coabitação, separações, divórcios. Pais
Notícias e questões críticas – por Luciana Fracchia e Azzurra Beddini, advogada civil

Partilha em grupo: perguntas e discussão entre os participantes

Violênciacontra as mulheres (violência sexual, violência nas relações íntimas – perseguição – pornografia de vingança…). Principais normas de aplicação da lei e de protecção
Notícias e questões críticas – por Sveva Insabato , advogado criminal

Partilha em grupo: perguntas e discussão entre os participantes

4ª REUNIÃO
A experiência e prática do Centro Anti-Violência da Cidade de Turim

por Patrizia Campo, chefe do Centro

Partilha em grupo: perguntas e discussão entre os participantes



Certificado de participação no curso “Ouvir e apoiar as mulheres”.

Certificado de participação - ouvir e apoiar as mulheres
Condividi